27.1.09

LEVANTA DA CAMA, ECONOMIA BRASILEIRA!


Como já escrevi aqui algumas vezes, nada entendo de economia. Porém, nem é preciso entender pra constatar que o atual governo criou fama e deitou na cama em sua política econômica, idêntica à do governo anterior. A crise mundial, que Lula afirmou que chegaria aqui como uma "marolinha", já começa a surgir, no mínimo, em forma de ressaca marítima.

Várias medidas são anunciadas com frequência para tentar conter a crise. Empresas anunciam demissões em massa, há meses. Ou seja, conclui-se que o governo menosprezou os impactos que a crise mundial poderia ter sobre a nossa economia.

Pelo visto, os nossos economistas oficiais acordaram muito tarde pra constatar que a crise tá aí, formando uma gigantesca tsunami pra nos atingir. E terão que fazer o possível para que os danos sejam os menores possíveis.

2 comentários:

Raphael Perret disse...

Daniel, não acho que o governo menosprezou a crise. O Lula, como governante, não podia aparentar medo (o próprio José Serra disse isso), por isso falou da marola. Além disso, se há demissões, não é por culpa do governo que, bem ou mal, está tomando suas medidas. A redução de um ponto percentual na taxa de juros, que surpreendeu a todos, foi uma delas. Se vai dar certo... esperemos.

patricia m. disse...

O Mulla adora usar as suas analogias lulescas, um tipo de palavreado nojento, que so torcedor do Curintia entende, mas va la...

O que eu achei mais interessante foi ele dizer a populacao para consumir. Nao seria um pouco exagerado nao? O problema do Brasil eh querer tentar mover a economia a consumo apenas, por isso o estouro do credito para as classes C e D, que se endivida a mais nao poder e nem sabe se vai ter emprego amanha. Credo, olha, toma cuidado com os bancos por ai, o que vai ter de nego perdendo dinheiro com esse povinho gastador, nao vai ser brincadeira. Eu nao compraria acao de banco por nada desse mundo.